SEC vistoria terrenos para construção de escolas e unidades que serão modernizadas em Feira de Santana

 

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) realizou uma vistoria técnica em unidades da rede estadual de ensino, neste sábado (2), em Feira de Santana, e em terrenos que poderão sediar novas escolas estaduais. Para o município, o Estado destinou mais de 64 milhões para construir novas escolas em tempo integral, o Complexo Poliesportivo Educacional e modernização de 15 unidades escolares. Só no prédio onde funcionava a Fundação de Apoio ao Menor, conhecida como Fazenda do Menor, situada no bairro Aviário, serão investidos R$ 25 milhões.

 

Estas obras fazem parte da requalificação da rede física escolar que está sendo realizada pelo Estado e que envolve recursos de mais de R$ 2 bilhões. O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, acompanhado por equipe técnica, esteve no Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Áureo de Oliveira Filho; no Colégio Estadual Durvalina Carneiro; e no Colégio Estadual Juiz Jorge Farias Góes.

Segundo Jerônimo, estas unidades escolares fazem parte da licitação que o governador Rui Costa deu ordem de serviço há cerca de dez dias. “O governador determinou que a gente não desse trégua neste período de final de ano, para garantir que, assim que tenhamos o retorno das aulas com maior normalidade, as obras já estejam entregues ou bem adiantadas, para que possamos, com essas estruturas novas e modernizadas, atuar na recuperação deste período de pandemia”.

No CEEP Áureo de Oliveira Filho, a diretora do Núcleo Territorial da Educação sediado em Feira de Santana (NTE 19), Celinalva Paim, comentou sobre o projeto de modernização das escolas da rede estadual. “Para os nossos estudantes, isso é muito importante, porque traz novos rumos na história da Educação da Bahia e de Feira de Santana”.

O diretor Yanez Cerqueira, do Colégio Estadual Durvalina Carneiro, falou sobre as expectativas da comunidade escolar. “Ficamos muito satisfeitos com a reforma que irá acontecer na nossa escola”.  A diretora Flávia Araújo, do Colégio Estadual Juiz Jorge Farias Góes, também falou sobre os desdobramentos da vistoria.  “É muito bacana para a nossa comunidade receber a equipe para tomarmos ciência da reforma que o governo vai promover na nossa escola”.

 

Notícias Relacionadas