Conferência Infantojuvenil pelo Meio Ambiente | escolas

Conferência Infantojuvenil pelo Meio Ambiente

Conferência Infantojuvenil pelo Meio Ambiente

 

A Conferência Infantojuvenil pelo Meio Ambiente é um processo dinâmico de diálogos e encontros voltados para o fortalecimento da cidadania ambiental nas escolas e comunidades a partir de uma educação crítica, participativa, democrática e transformadora. Os estudantes pesquisam, dialogam e refletem sobre as questões socioambientais, elaboram um projeto de ação com o objetivo de transformar a realidade e escolhem seus representantes para levar adiante as ideias acordadas entre todos.
 
O tema da V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente, em 2018, é “Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas”. Na Bahia, o tema da Conferência é “As Escolas da Bahia Cuidando das Águas”, que foi convocada por meio do Decreto Estadual Nº 18.246, publicado no D.O. de 27 de fevereiro de 2018. Nesta Conferência, os estudantes se encontram para ouvir, falar e divulgar suas ideias e ações, contribuindo para a construção de um futuro sustentável para suas escolas, comunidades, municípios, territórios, regiões, para o Brasil e o Planeta. Serão apresentados e selecionados os projetos de ação construídos nas etapas anteriores, trazendo a dimensão social e política sobre a questão da Água em seus múltiplos aspectos. 
 
Os objetivos da Conferência Infantojuvenil são: Mobilizar a comunidade escolar para realizar processos educativos sobre a dimensão socioambiental; Fortalecer a educação ambiental na educação básica; Propiciar atitude responsável e comprometida com a questão da Água local e global, por meio da participação social e de processos voltados para a melhoria da qualidade do ensino-aprendizagem, considerando a educação integral para a sustentabilidade e o respeito à diversidade; Contribuir para a implementação da Lei nº 9.795/1999, e da Lei Federal nº 9.433/97 (Lei de Águas), da Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental - CNE/CP nº 02/2012 e da Resolução nº 11/2017 do Conselho Estadual de Educação – CEE, que dispõe sobre a Educação Ambiental no Sistema Estadual de Ensino da Bahia; Fomentar a participação da comunidade escolar na construção de políticas públicas de educação, de meio ambiente e de saneamento; Promover a participação da comunidade escolar no diálogo das questões relacionadas à Água como um recurso finito e das políticas públicas de meio ambiente, de educação e de saneamento; Apoiar as Escolas na transição para a Sustentabilidade e na promoção de ações sustentáveis, contribuindo para que se constituam em Espaços Educadores Sustentáveis, a partir da articulação de três eixos: Gestão, Currículo e Espaço Físico; Estimular a inclusão de propostas de Sustentabilidade Socioambiental no Projeto Político Pedagógico; Incentivar a criação e o fortalecimento das Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida - COM-VIDA, nas unidades escolares, como espaços de debates e de ações em relação às questões socioambientais; Contribuir para a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável e para a consecução dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, em especial o de nº 06 – “assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todas e todos”; Fortalecer a participação da juventude baiana na implementação das Políticas Nacional e Estadual de Educação Ambiental e da Política Estadual de Recursos Hídricos de forma a incentivá-la a contribuir com a solução dos problemas socioambientais do Estado.
 
Agora, é com vocês!
Realizem as conferências nas escolas!
Participem do processo!
As Escolas da Bahia Cuidando das Águas

 

Notícias Relacionadas